Marcado pelo fim dos relacionamentos, de uma crise econômica infinita e de uma tragédia que marcará para sempre a história do esporte (#forçachape)… 2016 quase seria um ano pra gente apagar da memória, exceto pelos incríveis absurdos inesquecíveis eventos que fizeram valer cada segundinho de duração! *–*

E nesse clima nostálgico de final de ano, nada como a NOSSA retrospectiva. Quem ai foi em todos os nossos jogos e viu de pertinho cada uma dessas pérolas histórias acontecer? Que ano, hein, amigos? Hora de relembrar! ?

O Engenharíadas em Madagascar Ipatinga foi tão pa-ra-li-san-te que não só reuniu mais de 5000 futuros engenheiros (Quem são? Como vivem? Conseguem se formar?), mas também fez ‘Jesus’ voltar (e dizem que Ele transformou até cerveja em vinho!). Repleto de novidades, o evento contou com 4 dias de jogos de arrepiar (alguém lembra do vôlei masculino do grifo x UFVice), em uma disputa ainda mais acirrada pela divisão em séries, foi palco da primeira competição mineira de cheerleading (chuupa UFMG) e teve até festa da espuma! E, no lançamento das metas individuais, dizem que algumas atléticas quase fizeram o ‘CoRU comer’ (amigos, amigos, negócios a parte) para levar o mascote. Tem base?  ?

foto engenhariadas

Em outubro, Varginha sofreu uma invasão de ets estudantes DE OUTRO PLANETA, que provaram para o mundo que não vivem só de plantão. Em uma intensa rotina de jogos e festas, o público foi ao delírio 24h por dia, L I T E R A L M E N T E, e mostrou que era capaz de nunca (mais eu vou) dormir! Comandados pela Atlética de Itajubá, com direito a coreografia debaixo de chuva no fim de tarde, bunda lelê no desafio de baterias, partidas acirradíssimas, muitas homenagens e várias despedidas, essa galera fez de todas as possíveis dificuldades um desafio PERFEITAMENTE superado, gravando o Intermed na história de todos que passaram por ali.

14717060_838355929634672_8288669635227529637_n

Já a décima edição dos Jogos Jurídicos foi definitivamente I N A C R E D I T Á V E L e encerrou com chave de ouro nosso calendário do ano.  Até São Pedro se emocionou (demais, inclusive), vetou o atletismo, atrapalhou a natação, mas não teve chuva que fizesse a galera parar! Em um evento no mínimo histórico, teve  bateria se apresentando em tempo máximo (e a adrenalina explodindo), atlética levando 2 troféus pra casa (aêee UFU!) e maior delegação da história dos jogos trazendo seu título inédito de campeão geral (parabéns PUC China!). E, pra provar o quão sem lei foi o rolé (mas não era todo mundo advogado? ?), até o Tomate levou torta na cara – e, com isso, quase levou mesmo foi o camarote pro chão.

15253603_858332897636975_6302099187490171755_n

Hei, 2016, eu nããão vou embora!

Você ainda nem se foi e já deixou saudades… Recordes de público, atrações inéditas, torta na cara, será possível superar? Talvez o melhor dessa vida de jogos universitários é que a gente sempre acha que vai ser imbatível, até chegar a próxima edição (será por isso que estamos prolongando nossa ‘carreira’ universitária?).

Nos resta desejar que o ano novo seja ainda mais incrível e surpreendente, repleto de realizações, sucesso e, claro, muuuuita EUPHORIA ???

Vaiii, taca (taca taca taca) 2017! #nóissevêporaí ?

Rodapé Blog Integraê - Rafa Cordeiro

Tweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here