Falar sobre atlética é sempre complicado. É uma mistura de razão e emoção que foge do nosso controle. Há poucos dias acabou o meu mandato como presidente da A.A.A.XI de Setembro-UEM e confesso ainda estar meio sem saber o que fazer, pois foi um ano muito intenso para todos nós. Assumimos há um ano com o dever de recuperar a boa imagem e ao mesmo tempo evoluir esportivamente. Fizemos um belo planejamento, trabalhamos igual malucos e tínhamos muito, mas muito amor pela XI. É difícil explicar para alguém que não participa de uma atlética o que é esse sentimento. É difícil explicar o porquê de ficar até de madrugada fazendo reuniões, buscar patrocínios, montar equipes competitivas, montar eventos que agradem o nosso público, trabalhar em uma equipe onde nem sempre as opiniões convergem, chorar, sofrer, e tudo isso sem ganhar um centavo.

Badelírio, economíadas,

Mas a minha maior recompensa foi ver durante os jogos ECONOMÍADAS e JOIA nossos atletas dando o sangue em quadra, olhar para a torcida e ver um monte de malucos de laranja gritando e empurrando nossos times, ver a Badelírio incentivando nos jogos e dando show nos desafios de baterias, ver nossos dois HANDS serem campeões no ECONOMÍADAS em cima da USP e PUCCAMP, ver o desempenho excepcional que tivemos no JOIA, onde conseguimos nossos melhores resultados da história mesmo perdendo o 3° lugar geral por 1 ponto, 1 maldito ponto que não foi capaz de tirar o brilho de todo o nosso trabalho. Isso só nos deu mais certeza de que vale a pena fazer tudo o que fizemos, passar por todas as dificuldades e dúvidas para que hoje, sem medo algum, possamos dizer que “Temos ORGULHO DE SER XI”.

14971329_1125313460877520_1872819887_n
André Gonçalves (ex-presida) no canto direito da foto.

Abri mão de muita coisa na minha vida para viver isso e eu não me arrependo em momento algum da escolha que fiz. Conheci pessoas no mundo das atléticas que eu vou levar para a minha vida toda, aprendi o que é trabalhar em equipe, aprendi a ouvir opiniões diferentes, aprendi coisas que eu não aprenderia em um estágio ou até mesmo em um emprego, me tornei uma pessoa melhor e, depois de tudo isso, olhar para trás e poder ter a sensação de dever cumprido não tem preço.

Fazer parte da atlética foi a coisa mais sensacional que pude viver até hoje. Vou levar todos esses momentos e toda a experiência para o resto de minha vida. Tenho certeza de que um dia eu vou ter o prazer de contar para os meus filhos e netos tudo o que eu vivi nesses anos, e sem dúvidas, a emoção e os olhos cheios de lágrimas estarão presentes, como estão agora.

E aí, você também tem um momento marcante na facul que PRECISA compartilhar porque foi sensacional? Manda pra gente no mandae@integrae.com.br com algumas fotinhos (e sua também, tá?!), que a gente faz questão de publicar!

integrae, andré, assinatura

Tweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here